Logotipo Da Profitage

Atuação Nacional

Antecipação ou Desconto de Duplicatas

Atuamos Em Todo Brasil!

Link Para Abrir Whatsapp da Profitage(11)9.4037-7673
Fundador

fundador

Sérgio Martins - Fundador da Profitage
Contato
Oportunidades

Você conhece a antecipação de duplicatas? Esta é uma solução que pode ajudar a sua empresa a ter mais capital de giro, garantindo mais recurso no curto prazo. Mas, será que esta é uma opção que realmente vale a pena?

Este post vai ajudar você a entender tudo sobre a antecipação de duplicatas, abordando assuntos como:

  • O que são as duplicatas?
  • O que é a antecipação de duplicatas?
  • Como funciona a antecipação de duplicatas?
  • Qual é a vantagem da antecipação de duplicatas?
  • Vale a pena fazer a antecipação de duplicatas?

O que são as duplicatas?

Duplicata é um termo bem antigo, do ponto de vista financeiro e empresarial. Porém, ele não é o que parece, e não significa uma simples “cópia” de algo. Neste contexto, a duplicata é um título de crédito emitido por um credor. Ao aceitá-lo o devedor se compromete em fazer o pagamento do valor dito no documento.

O que é antecipação de duplicatas?

  • Então, a antecipação de duplicatas é um processo em que a empresa que vai receber o valor, pode fazer a venda do mesmo, de modo receber o dinheiro imediatamente. É mais um dos modelos de antecipação de recebíveis e, como tal, deve ser usada com bastante cuidado.
  • Assim como qualquer operação financeira, ela pode ajudar a empresa a trazer mais capital no presente, aumentando o capital de giro, por exemplo.

Como funciona a antecipação de duplicatas?

O processo de antecipar duplicatas é relativamente simples. Se a empresa tem uma duplicata a receber, ela pode entrar em contato com qualquer agente financeiro, normalmente um banco e oferecê-la a ele. O banco então, passa a cobrar juros sobre a operação.

Se não ocorrer o pagamento, a empresa precisa arcar do próprio bolso o valor a ser pago e entregá-lo ao banco. Isso significa que é necessário tomar dois grandes cuidados.

O primeiro é quanto à segurança do pagamento. É preciso ter bastante confiança de que o mesmo será feito, visto que a empresa precisa arcar com qualquer inadimplência.

Além disso, também é preciso ficar atento ao fluxo do caixa da empresa. O dinheiro que entraria no futuro, passa a ser recebido no presente. Então, cabe fazer um estudo detalhado da viabilidade desta operação.

No nosso blog você encontra outras formas de antecipar recebíveis, para encontrar a que mais faz sentido para seu negócio.

Quais são as vantagens da antecipação de duplicatas?

Contudo, não seria uma operação tão procurada se não tivesse suas vantagens. A primeira, evidentemente, é a possibilidade de a empresa fazer dinheiro em caixa, visando escapar de certas dívidas ou trazer mais flexibilidade para a tomada de decisão.

Além disso, é uma operação que costuma ter taxas muito menores do que um empréstimo ou um financiamento, podendo ser uma ótima solução dependendo do caso.

Vale a pena fazer a antecipação de duplicatas?

Portanto, de modo geral, a antecipação de duplicatas é uma operação que pode ser bem valiosa. Como vimos acima, ela apresenta certas vantagens e certos riscos, como qualquer operação financeira.

O interessante é saber que ela é uma possibilidade e estudar todas as opções que sua empresa tem a disposição, de modo a entender qual é a que mais faz sentido do ponto de vista do negócio.

É comum que empresas precisem de aporte financeiro, sendo que existem várias maneiras de se conseguir um. Uma delas é através do Desconto de Duplicata. Essa modalidade de crédito é diferente dos empréstimos convencionais, isso porque ela funciona como uma espécie de adiantamento para a empresa.

Nesse tipo de transação a empresa repassa a instituição financeira suas duplicatas de vendas a prazo. Ao recebê-las, o banco deposita na conta corrente da empresa o valor referente aos documentos, menos o desconto referente às taxas. Por isso, o nome dessa transação é Desconto de Duplicata.

Sendo assim, o Desconto de Duplicata acaba agindo como um adiantamento dos valores que a empresa iria receber nos próximos meses.

Como funciona o desconto de duplicatas?

Esse tipo de transação também é conhecido como Antecipação de Recebíveis ou Desconto de Títulos. Ela é muito utilizada pelas empresas que precisam aumentar seu capital de giro de uma forma simples e mais rápida.

O Desconto de Duplicata é uma ótima opção para as empresas que procuram crédito sem muita burocracia e com taxas menores. Entretanto, assim como qualquer concessão de crédito, o Desconto de Duplicata precisa ser aprovado pela instituição financeira.

Sendo assim, a empresa será avaliada. O interesse aqui é saber se o empreendimento tem condições de arcar com a dívida. Além disso, também é avaliado o tipo de recebíveis que a empresa está oferecendo.

Se tudo for aprovado, a empresa repassa seus títulos de recebimento para a instituição financeira, que em troca deposita o valor das duplicatas – menos as taxas, juros e encargos – em conta corrente.

É importante lembrar que, mesmo tendo “vendido” seus recebíveis, a empresa ainda é responsável por eles. Dessa forma, se o cliente não arcar com sua dívida a instituição financeira poderá cobrar o pagamento da empresa.

Os valores não pagos serão descontados diretamente da conta corrente da empresa. Por isso, uma transação do tipo Desconto de Duplicata não pode ser feita levianamente. Os gestores precisam estudar quais duplicatas oferecem menos risco ao serem passadas para os bancos.

Isso porque, além do valor da duplicata atrasada, a empresa também terá de arcar com o valor referente a multas e juros. Dessa forma, esse tipo de transação pode acarretar prejuízos para a empresa.

Quais as taxas do desconto de duplicatas?

  • Dessa forma, as taxas descontadas são:
  • IOF: o Imposto sobre Operações Financeiras incide sobre qualquer transação que envolva o repasse de dinheiro entre instituições ou entre instituições e pessoas. Atualmente, o seu valor está fixado em 0,38% do montante da operação.
  • Taxa Administrativa: essa taxa vária de instituição para instituição. Entretanto, em todas ela tem o mesmo objetivo, cobrir os gastos do banco referentes à transação, mas também, a abertura de conta e análise de crédito.
  • Taxa de Desconto: essa taxa faz referência aos juros mensais até a data do vencimento da duplicata. É importante lembrar que se, até a data do vencimento, a duplicata não for paga, além da taxa de desconto, irão incidir sobre o valor juros de atraso.

Esses juros continuarão a ser acrescidos ao montante até que a dívida com o banco seja paga.

Quais os Tipos de Desconto de Duplicatas?

  • Atualmente, os bancos e instituições financeiras oferecem dois tipos de descontos de duplicatas. São eles:
  • - Cobrança Simples: nesse modelo os boletos são repassados para o cliente logo após a venda do produto e/ou serviço, sendo que, essas cobranças não precisam ser registradas junto ao banco.
  • Caso a empresa deseje realizar o adiantamento desses recebíveis, será necessário procurar o banco e sinalizar a intenção de fazer esse tipo de transação. Sendo assim, o banco passa a ter os direitos creditórios das duplicatas e o valor descontado é depositado na conta de empresa.
  • - Cobrança Caucionada: nesse tipo de transação os boletos funcionam como calção para outra operação de crédito. Sendo assim, na medida em que os boletos são pagos pelos clientes o valor é amortizado do saldo devedor da empresa.

Quais são as vantagens e desvantagens do desconto de duplicatas?

  • Conseguir crédito rápido através do Desconto de Duplicata pode trazer algumas vantagens para o seu negócio. Dessa forma, é possível aumentar o capital de giro da empresa para realizar investimentos. Sendo assim, é possível modernizar o negócio e, consequentemente, aumentar a lucratividade.
  • Outra vantagem é manter o fluxo de caixa positivo. Isso significa evitar o pagamento de juros do cheque especial e/ou das faturas do cartão de crédito. Além disso, o valor das duplicatas pode ser usado para saldar dívidas. Mantendo, dessa forma, o nome da empresa limpo.
  • Por último, os valores levantados pelo Desconto de Duplicata podem servir de como uma ferramenta na hora de negociar com fornecedores. O pagamento à vista pode garantir um desconto no preço cobrado pelos produtos adquiridos pela empresa.
  • Caso a empresa não faça um controle e um planejamento financeiro rígido, ela pode ter problemas econômicos no futuro. Isso porque, o valor creditado em conta hoje é um adiantamento.
  • Isso quer dizer que ele não vai entrar no caixa nas datas previstas, dessa forma, a empresa não poderá contar com esses valores no futuro. Sendo assim, ela deve estar preparada para a redução do capital de giro.
  • Mas a principal desvantagem das transações de Desconto de Duplicatas está ligada ao atraso no pagamento dos boletos. Como já foi dito, a empresa que optou pelo adiantamento dos recebíveis não deixa de ser responsável pela duplicata.
  • Isso quer dizer que, no caso de não pagamento dos boletos, a empresa que cedeu as duplicatas ao banco, passa a ter uma dívida com o mesmo. Sendo assim, a dívida permanece até que o pagamento seja feito.
  • Nesse caso não importa se houve um pedido de reembolso, se o boleto foi protestado ou se a cobrança foi feita judicialmente. A dívida permanece em nome da empresa, com cobranças de multas e juros de mora, até a quitação total do débito.

Você Vai Se Surpreender Com As Oportunidades Que Temos Para Sua Empresa!